Confira 7 dicas de como as marcas podem ter a recomendação de familiares e amigos como aliada

 

Especialista compartilha estratégias de como explorar o potencial do marketing boca a boca para impulsionar os negócios

As grandes transformações causadas pela crise sanitária trouxeram muitas lições também para o marketing de influência, deixando cada vez mais evidente que o que os influenciadores digitais mostram em suas redes sociais, nem sempre representa o dia a dia deles. “Posts em redes sociais que ostentam um estilo de vida inalcançável e festas com aglomerações caíram em desuso e a interação da audiência sobre esse tipo de conteúdo despencou, já que os consumidores estão ainda mais exigentes e conscientes”, explica Joel Amorim, diretor da The Insiders, empresa que conecta marcas a consumidores reais. “Tanto é que os chamados memes, a viralização de imagens e vídeos, que traçam um comparativo entre expectativa versus realidade, é um sucesso!”, completa.

Neste cenário, as marcas foram buscar no marketing boca a boca uma comunicação mais próxima e genuína e encontraram a recomendação de familiares e amigos, aquela mais próxima possível, como solução para resgatar a autenticidade perdida e, para auxiliar os empreendedores na missão de manterem suas marcas relevantes neste novo momento, Amorim oferece sete dicas de como criar uma estratégia de marketing boca a boca eficaz, confira:

  1. Público-alvo: Ter essa definição é o primeiro passo para se comunicar da forma desejada com precisão, pois o maior erro é não entender para quem está direcionando a mensagem que quer entregar;
  2. Alinhamento de propósito: A essência de um bom marketing de influência é conectar as pessoas certas aos produtos certos, isto é, quando há interesse de pessoas reais pela categoria da campanha a ser trabalhada. Com isso, o produto em questão será recomendado com muito mais conhecimento de causa;
  3. A força do boca a boca: As empresas já notaram que consumidores reais espalham boas percepções sobre um determinado produto, muito por conta da voz ativa sobre o que consomem nas redes sociais. Esse é o papel do marketing boca a boca, sendo uma das melhores estratégias para conquistar defensores para a marca, intensificando os processos de compra e, consequentemente, a fidelização;
  4. Experiências reais: Nenhum marketing é tão poderoso quanto o do próprio consumidor apresentando impressões sinceras e íntimas em relação ao produto escolhido. A repercussão é responsável por fomentar uma discussão orgânica e efetiva enquanto agrega valor;
  5. Autenticidade: Esse é um diferencial competitivo que nunca sai de moda. O conteúdo gerado por consumidores reais da marca é muito mais genuíno e valioso;
  6. Consistência: O discurso e a presença digital são importantes, porém é fundamental que todo o conteúdo transmita a imagem do influenciador como ele realmente é;
  7. Proximidade: Por fim, estabelecer um vínculo por meio de constantes conversas e ativar novos bate papos ao cotidiano daquela comunidade leva mais veracidade ao público, tudo o que o consumidor de hoje busca: aproximação e simplicidade.

SOBRE A THE INSIDERS

Com nove anos de mercado, a The Insiders é uma empresa que conecta marcas a pessoas reais com o objetivo de impulsionar campanhas publicitárias com o uso de consumidores reais com alto engajamento. Com uma base de mais de três milhões de pessoas cadastradas, a empresa seleciona os participantes da campanha alinhados ao perfil desenhado pelos clientes e envia um kit com os produtos a serem testados e divulgados de forma totalmente autoral em suas redes sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *