Caio Cunha, da WSI Brasil, afirma que a relevância do mundo digital, tendendo para o crescimento de um negócio, ampliou tanto que não está mais restrito à apenas uma área

Estar no mundo virtual é uma exigência do mundo de hoje, mas para ter o destaque e o retorno esperado não bastam ações isoladas. Como em qualquer área dentro de uma empresa, como vendas, operações ou financeiro, o marketing também precisa ter planos e estratégias, de acordo com os objetivos do negócio.

Além disso, a relevância do mundo digital, tendendo para o crescimento de um negócio, ampliou tanto que não está mais restrito à apenas uma área. Hoje, a estratégia digital é um trabalho integrado das equipes de marketing, vendas e tecnologia.

Com uma ampla experiência na área, o presidente da WSI Master Brasil, maior franquia de marketing digital do mundo, Caio Cunha traz algumas dicas importantes para aumentar a eficiência das ferramentas virtuais nas empresas:

 

  • Defina sua estratégia

O primeiro passo para traçar um plano de marketing digital é definir o perfil da empresa, como ela contribuirá para o mercado e onde ela quer chegar. Nesse estudo, as áreas de vendas, produtos, operações, tecnologia e marketing são essenciais.“Questões como público-alvo, concorrência, diferenciais do negócio, timing dos lançamentos precisam estar claros para que os caminhos sejam corretamente planejados”, explica o especialista. “Há muitas empresas que querem copiar o que outras fazem, mas para que uma estratégia seja consistente e eficiente, é preciso mais do que estar em linha com a missão e os valores específicos de cada negócio. Se não estiver se comunicando corretamente com o público-alvo e com uma mensagem clara e focada nas necessidades para esse público, de nada adiantará.”

 

  • Escolha as soluções e ferramentas ideais

As redes sociais são, muitas vezes, a primeira coisa que vem à mente quando se pensa em marketing digital. Mas há muitas outras soluções ou ferramentas fundamentais para melhorar o desempenho de uma empresa no mundo virtual. Um exemplo é a gestão das oportunidades, usando um CRM.“Mais do que ter um banco de dados de clientes, é preciso saber como gerenciá-lo e investir em ações de marketing e vendas para reter os contatos, alimentando-os e cultivando-os até o momento certo de sua tomada de decisão”, conta Caio, que reforça que isso tem feito a diferença para muitos setores da economia e empresas de pequeno, médio e grande porte.

 

Outra solução que também é muito utilizada hoje é o social listening, que é a escuta do que clientes e potenciais clientes estão falando nas mídias. “O profissional de marketing digital está sempre atento às novas técnicas e serviços disponíveis e pode incluir – ou eliminar – o que for necessário para a estratégia ideal de cada empresa”, acrescenta.

 

  • Acompanhe métricas e indicadores e faça uma análise dos resultados

O grande valor do marketing digital é que tudo é mensurável. Todas as ferramentas digitais oferecem a possibilidade de medir, de forma rápida, os resultados das ações. Serviços como Google Analytics, SEMRush, HootSuite, Hubspot, entre outros, trazem números e estatísticas que ajudam a entender se a estratégia está no caminho certo, gerando resultados, ou precisa de um redirecionamento. “Por isso, ressalto a importância de contar com uma consultoria em marketing digital, que vai saber como escolher as melhores plataformas e soluções, analisar esses dados e de que forma usá-los em benefício do negócio”, afirma o presidente da WSI Brasil.

 

  • Avalie constantemente o momento atual da sua empresa e do mundo

O que funcionou há alguns meses, talvez hoje não seja mais a melhor alternativa. Por isso, as avaliações periódicas são outro ponto relevante para definir as ações de marketing digital. O ano de 2020 foi um bom exemplo disso.

 

“Com a quarentena e o isolamento social, muitos negócios tiveram que se reinventar. Restaurantes que só atendiam no local tiveram que investir no delivery. Lojas de roupas passaram a criar ações para visualizar, “experimentar” e atender online. Enfim, a pandemia mudou tudo, inclusive o comportamento dos clientes. Portanto, a estratégia digital não pode ser a mesma que era antes do coronavírus”, alerta Caio.

 

Segundo ele, as ações de marketing precisam analisar as novas preocupações e os novos hábitos e interesses, de forma periódica, considerando, sempre, o perfil de cada negócio. Planejando e testando com agilidade.

 

  • Consulte um especialista

É verdade que são muitos os canais que estão ao alcance de todos, como as redes sociais, ações de mídia paga, mobile, plataformas de automação. Por isso, há uma noção equivocada de que qualquer pessoa pode não só escolher como também gerenciar esses recursos. Não é bem assim. Há uma gama enorme de caminhos a serem utilizados e eles precisam trabalhar de forma conectada e planejada. Para isso, vale investir em atendimento especializado. Até porque é comprovado que o retorno desses investimentos, quando bem definidos, é bastante representativo.

 

“Cada ação faz diferença no resultado. É preciso avaliar, por exemplo, se vale investir em um CRM, se a empresa deve fazer ações de topo ou apenas fundo de funil, o que considerar em uma análise dos dados estatísticos do Google, quanto investir em mídia paga e em que canais investir. Para definir questões como essas e estabelecer prioridades e planejamento, é fundamental contar com uma consultoria especializada em marketing digital, que não só tem a experiência dos resultados obtidos como também conhecimento das técnicas mais eficazes”, diz Caio.

 

Sobre Caio Cunha

Caio Cunha é Presidente da WSI Master Brasil, co-Fundador da WSI Consultoria e membro do Global WSI Internet Consultancy Advisory Board. Com mais de 25 anos de experiência na indústria de tecnologia, atingiu cargos executivos de alto nível, em grandes empresas multinacionais como PWC (com clientes IBM e Unisys), SAP e Hitachi Data Systems, no Brasil e no exterior. Ao longo de sua carreira, participou em programas de desenvolvimento profissional em universidades como a Stanford University, na Califórnia, e no IMD Internacional, na Suíça. Tem MBA em finanças pelo IBMEC e é graduado em Administração de Empresas pela PUC, com dois anos na Roosevelt University, em Chicago.

 

Sobre a WSI

A WSI é a maior e mais antiga franquia de marketing digital do mundo, com mais de 25 anos de experiência no mercado, cerca de mil franqueados e atuação em mais de 80 países. Está no Brasil a  mais de 10 anos, com mais de 20 unidades oferecendo soluções de marketing digital. A empresa oferece a seus franqueados uma ampla carteira de soluções digitais para que eles se tornem consultores estratégicos para seus clientes, identificando oportunidades de negócios, fazendo análise dos concorrentes e fortalecendo a marca online e alavancando o retorno dos investimentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *